Fitch entra na corrida pelos ratings ESG

Compartilhar

Depois de perder para as concorrentes as oportunidades de aquisição de provedores independentes de ratings ESG disponíveis no mercado, a Fitch acaba de lançar o seu próprio negócio na área, batizado de Sustainable Fitch.

A ideia da agência, que domina o mercado global de classificação de risco de crédito ao lado de Moody’s e S&P, é fazer o rating ESG de instituições e também de todas as classes de ativos, globalmente.

As avaliações começam por produtos rotulados, ou seja, com algum tipo de selo do universo ESG, mas, no futuro, deve se estender para todos os produtos de renda fixa, independentemente de serem rotulados.

Suas concorrentes já haviam se movimentando para ocupar esse espaço antes.

 

Em 2019, a Moody’s comprou a francesa Vigeo Eiris (que acaba de emitir o rating do BNDES), uma das mais reputadas casas de análise ESG, e a S&P comprou o braço de rating ESG da gestora holandesa Robeco.

No ano passado foi a vez da provedora de dados da indústria de investimentos Morningstar se mexer, adquirindo o controle da Sustainalytics, outra líder nesse mercado.

Conforme cresce o apetite de investidores por ativos com boa avaliação ESG, explode também o mercado de rating. Mas o segmento ainda tem muito a caminhar, tanto em termos regulatórios como de boas práticas.

Preocupada em dar mais robustez à atividade e, com isso, oferecer mais salvaguardas aos investidores, no início deste ano a Autoridade Europeia de Mercados e Valores Mobiliários (ESMA, na sigla em inglês) recomendou a criação de uma legislação que estabeleça uma definição legal sobre ratings ESG, além da regulação e supervisão por autoridade pública das empresas que emitem esse tipo de rating.

Em decorrência da falta de padrões, os ratings ESG de diversos provedores têm baixo grau de correlação entre si. A alta discrepância foi apontada em um paper do MIT Sloan Sustainability Initiative, que também está trabalhando num projeto para melhorar a qualidade da avaliação e tentar estabelecer métricas padronizadas.

A melhor cobertura de negócios e finanças sustentáveis

Contribua com o Reset e ajude a construir a mudança.